6 – Planeta Eskoria

PODCAST

Olá pessoal!

Faz mais de 1 mês que não posto no blog, está bem difícil de atualizar: pouco tempo, muitos problemas, isso acaba dificultando para pesquisar e organizar o conteúdo.

Isso sem contar a igreja que existe do lado de casa, que atrapalha também a gravação do podcast (a versão em áudio da postagem). Fazem cultos a semana inteira e no fim de semana (que é quando tenho mais tempo livre), fazem barulho o dia inteiro e a noite também, num volume ainda mais alto. Mas nesta semana, minha paciência se esgotou: fui na Ouvidoria Geral do meu munícipio e os denunciei, agora vamos aguardar para ver o que acontece.Não tenho nada contra quem é religioso, respeito a opção de cada um, mas não acho certo essa cultura de que a religião esteja acima de tudo, barulho é barulho e ponto final. Se for para ficar ouvindo som alto, prefiro ficar ouvindo Grindcore que é bem mais legal.

Mas voltando a falar sobre o blog, não posso mais garantir uma periodicidade. Vou sempre estar trabalhando em algo novo e assim que puder, posto aqui. A idéia é tentar atualizar a cada 15 dias ou pelo menos 1 vez por mês. Portanto fique ligado!

 
Temos novidades no Youtube!

Alguns dias atrás, estava assistindo um vídeo dos Trapalhõese notei algo diferente: haviam caixas de texto em alguns momentos dando explicações sobre o que acontecia (inclusive assista se puder, é bem interessante), reparei que aquilo não estava embutido no vídeo, vi que era algo do próprio Youtube, mas é uma ferramenta bem útil! Pois além de inserir comentários, agora também é possível inserir arquivos de legendas nos vídeos postados.

O que isso significa? Significa que agora você pode subir o vídeo para o Youtube sem legendas e depois, apenas anexar o arquivo de legenda nele, ou seja: não precisa embutir a legenda no vídeo, processo que dá um pouco de trabalho e leva um certo tempo. Ainda não postei nenhum clipe utilizando este novo recurso, mas estou fazendo testes. Qualquer novidade, vou comentando por aqui, fiquem atentos!
  
 
Hoje vou falar um pouco de uma banda espanhola chamada Ska-P.
Como o próprio nome diz, a banda segue um estilo chamado Ska-Punk (mistura de Ska com Punk Rock).
 
O Ska-Punk (ou Ska-Core), é um estilo que teve sua maior popularidade no final dos anos 90, com bandas como: The Mighty Mighty Bosstones, Reel Big Fish e No Doubt. Se trata de um som bem mais rápido que o Ska tradicional e geralmente é bem divertido.
 
Porém o Ska-P, apesar de fazer uma música bem humorada, tem letras de protesto bem diretas. Nas apresentações ao vivo, há encenações de acordo com a temática da letra. Na música “Tío Sam“, por exemplo, Pipi (membro que faz backing vocals) se veste de Tio Sam, com pernas de pau e uma foice na mão! Isso sintetiza a forma como a banda une protesto e diversão.
 
 
 A banda tem uma postura libertária e suas músicas ilustram isto muito bem: 
 
– “El Ñino Soldado” – Denunciando a participação de crianças nas guerras
– “
Solamente Por Pensar” – Violência Policial, onde falam sobre a morte de Carlo Giuliani em uma manifestação em contra o G8, na cidade de Gênova na Itália em 2001
– “Intifada” – Conflitos Religiosos, em especial o da Palestina x Israel.
Mis Colegas“- Legalização das Drogas
– “
McDóllar“- Sobre Multinacionais, como o Mc Donalds, que contribuem para o esgotamento de recursos naturais dos países de 3º Mundo.
– “
Casposos” – Charlatanismo.
– “
Welcome To Hell” – Pena de Morte
– “
Vergüenza” – Touradas, maus tratos aos animais. O nome “Vergüenza” (Vergonha) cai bem, pois a tourada na Espanha é tradição (bem estúpida, por sinal)
Entre outras
 
 
Em 2005, a banda fez uma pausa e só voltou a se reunir em 2008 para a gravação do CD “Lagrimas Y Gozos“, além dos temas já citados, o CD também traz uma crítica direcionada à Igreja Católica, enfocando os casos de pedofilia.
 
No site oficial da banda, eles deixaram a seguinte nota sobre o novo CD:
 
“Começa uma nova etapa, já estamos mais velhos, porém estejam certos que voltamos com muita vontade. Seguiremos pela brecha, atirando ovos contra o sistema, os poderosos, os exploradores, os que maltratam, assassinos, etc. E apoiando os mais desfavorecidos, os que estão à sombra da sociedade e são vítimas de um muito imperfeito sistema globalizado”.
E o clipe legendado desta semana é “Planeta Eskoria”.Esta música está no álbum de mesmo nome, lançado em 2001. Ele, de certa forma, me lembra o clipe da música “Society” do Pennywise, pois tem muitas cenas reais e é uma crítica a sociedade capitalista, guerras, violência e todos males da humanidade.

 

 
 
 
Espero que tenham gostado do Ska-P, banda que já é uma das minhas favoritas.
E aguardem, pois no futuro, vou colocar mais clipes legendados deles!

LINKS:

Site Oficial da banda:
http://ska-p.com/

Vídeo dos Trapalhões com “previsões” para 2008 (feito em 1983, ano em que nasci!):

Página do Youtube, falando sobre o novo recurso de Legendas:
http://www.youtube.com/t/captions_about

3 respostas para 6 – Planeta Eskoria

  1. jefferson disse:

    Carissimo Diego!!
    Curti Muito o Podcast, o formato está muito bacana musicas intercalando os assuntos, qualidade de aúdio impecavel (Acima da média eu diria) e vc se expressa muito bem, com convicção e clareza!
    O SKA-P é um banda que me atrai muitojustamente por seu estio despojado, circence e ao mesmo tempo implácavel e revolucionário!
    dentre todas as músicas que vc citou minha preferida é a Welcome to Hell, alem de seu ritmo contagiante a letra profunda e reflexiva explodem numa óde a preservação da vida e ao terror do prenuncio da morte, acresentando a isso o tom sarcastico altamente fundamental para o impacto que essa música traz!!
    Continue Assim Divulgando música de conteúdo e qualidade!
    Grande Abraço!!

  2. Jefferson disse:

    Rapaz, tenho dó de você, morar do lado de uma igreja deve ser dose.

    Concordo com você, melhor ouvir grindcore que esse povo louco gritando.

    Eu estou atrasado, no atual dia você já fez várias traduções utilizando o recurso de enviar a legendenda separada do clipe, hehe.

    Ska-p é uma banda fudida, mas fudida mesmo. É ótimo ver como no meio de tantas futilidades e da atual situação do mundo, ainda existem pessoas que conseguem enxergar tudo de outra maneira, são essas coisas que me dão vontade de continuar.

    Parabéns pelo post.

  3. […] gosto músical continua o mesmo, indo do Ska-Core, Punk, Hardcore até o Crust e Grindcore. Desde a última postagem, conheci algumas bandas novas […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: