Grande Irmão

Já comentei anteriormente que não costumo assistir TV. Mas vez ou outra, fico sabendo de algum ocorrido na “telinha” através de sua repercussão na internet, seja por sites de notícias, blogs ou em redes sociais. O que foi o caso deste breve vídeo a seguir, dê o play, por favor, ele tem pouco mais de 1 minuto:

Creio que você reconheceu o programa e os participantes em questão, mas supondo que não conheça:

Programa: Altas Horas
Emissora: Rede Globo
Apresentador: Serginho Groisman
Convidados Entrevistados: Pedro Bial e Boni

– Serginho Groisman: Comandou entre os anos 80/90 programas como Matéria Prima (TV Cultura) e Programa Livre (SBT). Ambos traziam música ao vivo (fazendo contraponto aos “playbacks” populares na TV) e entrevistas, algo bem construtivo e inteligente. Não sei se o “Altas Horas” manteve o mesmo formato, mas ele foi jogado para madrugada de sábado para domingo, enquanto o Programa Livre era exibido durante todos os dias da semana, no horário da tarde.

– Pedro Bial: Jornalista que cobriu entre o final dos anos 80, começo dos anos 90 vários eventos políticos internacionais  importantes.  Entre eles, o fim da União Soviética. Hoje apresenta um Reality Show numa grande emissora brasileira, também conhecida como Rede Globo.

– Boni: Foi o responsável durante muitos anos pela grade de programação do horário nobre desta mesma grande emissora supracitada. Hoje é sócio  de uma de suas redes afiliadas.

Se o Reality Show citado no vídeo tem qualidade ou não, fica a critério de cada um fazer uma avaliação e reflexão. O que queria mostrar aqui é como este curto vídeo de 1 minuto e 17 segundos mostra a decadência da TV aberta (não que a paga seja algo excelente). Onde se chega ao ponto dessa pessoa (Boni) que tem sua parcela de “culpa” neste tipo de programação, apontá-la como algo de má qualidade, lembrando ainda que o diretor de tal programa criticado é seu filho (Boninho).

Isso, para mim, mostra que já não é mais necessário ficarmos esbravejando, criticando e apontando dedos para a qualidade televisiva desta e de outras emissoras, pois elas próprias estão ruindo sozinhas e agora somos nós que iremos assistir a sua queda, seremos (de verdade) “O Grande Irmão”.

Desordem e Retrocesso – “Grande Irmão”
Álbum: SP Punk – Volume 3 (1997)

Atrás da sua face está a vergonha
Seu reino é sujo
Seu dinheiro compra almas
Mas não compra a minha

Grande Irmão, Grande Irmão

As pessoas sobrevivem sem dignidade
Eu sei a verdade, renego você
O circo chega aos lares
Mas o pão está em falta
Foda-se seu império Global
Foda-se seu império global

Grande Irmão, Grande Irmão
Grande Irmão, Grande Irmão

O seu fim está próximo
Eu ainda quero ver
Sua hora vai chegar
Eu ainda espero

Grande Irmão, Grande Irmão
Grande Irmão, Grande Irmão

Agora, olhem para mim
Eu vou lembrar a vocês
Nada é para sempre
E algum dia Os olhos dele
Não vão mais brilhar
A sua festa, só será nossa
E pra ele vai terminar

O seu povo despertará
E não vai mais te acreditar
Não vai mais, nunca mais
Não vai mais, nunca mais
Não vai mais, nunca mais
Não vai mais, nunca mais

Grande Irmão, Grande Irmão
Grande Irmão, Grande Irmão

O meu, o seu
E de quem quiser
E de quem vier
O meu grande irmão!

 


Nota: Para entender de onde veio (originalmente) o termo Grande Irmão (em inglês, Big Brother), recomendo a leitura e/ou pesquisa sobre o livro  “1984” de George Orwell.

Arte por Doug 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: